Treinador Fernando Agostini faz observações em relação ao retorno do futebol

Treinador Fernando Agostini comentou também sobre o calendário do futebol gaúcho

Porto Alegre (RS) - Durante o programa Debate Bola Home Office desta terça-feira, 16/06, o treinador Fernando Agostini (foto) fez algumas observações sobre o retorno do futebol, e também em relação ao calendário do futebol no Rio Grande do Sul após passar a pandemia do novo coronavírus. Para o treinador Fernando Agostini, o calendário de futebol desta temporada, e possivelmente em 2021, estejam comprometidos por conta da Covid-19. "A pandemia veio para mostrar que ninguém é mais do que o outro. Em relação ao futebol, nenhum clube estava preparado para enfrentar este problema, mas também mostra que os clubes precisam ter uma reserva para estes momentos", comentou o treinador Fernando Agostini.

Calendário do futebol está comprometido

Segundo o treinador Fernando Agostini, o calendário do futebol brasileiro está comprometido por conta da paralisação em virtude do novo coronavírus. "Nós queremos que o futebol volte, mas com segurança para todo os envolvidos. O que não pode acontecer é voltar, e ter que parar novamente. O calendário de futebol no Brasil está totalmente prejudicado. Se o Gauchão não voltar agora em julho, não sei se teremos datas para a conclusão do campeonato. Este ano se conseguir fazer uma competição e concluir, será muito bom. Mas, por enquanto, a situação está bem difícil", observou o treinador Fernando Agostini

A carreira do treinador Fernando Agostini

O último clube comandado pelo treinador Fernando Agostini, 38 anos, foi o Cruzeiro, de Cachoeirinha, durante o Campeonato Gaúcho da Divisão de Acesso deste ano. Além do Cruzeiro, o treinador Fernando Agostini também trabalhou como auxiliar no Esportivo de Bento Gonçalves, técnico principal no Guarany de Camaquã, Sapucaiense e Brasil de Farroupilha.

✍️ Eduardo Pires
📷 MZArtys