sexta-feira, 6 de setembro de 2019

Treinador Celso Rodrigues faz um balanço positivo do trabalho realizado no Concórdia

Treinador Celso Rodrigues afirma que o principal objetivo do clube foi conquistado

O treinador Celso Rodrigues fez um balanço positivo do trabalho realizado no Concórdia Atlético Clube, afinal, conquistou o acesso para a elite do futebol de Santa Catarina em 2020. Embora não tenha sido o campeão, o principal objetivo do clube foi atingido. 

Treinador Celso Rodrigues é cliente
da Onze!Press

Para o treinador Celso Rodrigues, o sucesso do trabalho foi muita por conta da compreensão que os jogadores tiveram na filosofia implantada desde a sua chegada ao clube. Sobre o futuro, o treinador Celso Rodrigues destaca que a diretoria do Concórdia quer da sequência no trabalho para o ano que vem, no entanto, o treinador Celso Rodrigues aguarda algumas definições.

Filosofia

Segundo o treinador Celso Rodrigues, quando assumiu o clube, foi com o desafio de subir para a Série A. "Cheguei após prazo de inscrições ter encerrado, e não pode levar ninguém. Resgatei o auto-estima do atletas, a confiança cresceu, dei moral para todos do grupo, e criamos um ambiente bom de trabalho e harmonia. Os atletas entenderam minha filosofia de trabalho e abraçaram a causa. Após minha chegada, tivemos sete jogos decisivos e atingimos 19 pontos em 21 pontos disputados. Fizemos a  melhor campanha e a vaga na final, onde trouxemos o mando para Concórdia. Porém, o título não veio, mas o objetivo principal foi conquistado, que era a conquista do acesso para Catarinense 2020". 

Carreira

Antes desta passagem pelo Concórdia, o treinador Celso Rodrigues, nesta temporada, comandou no São Gabriel (RS) no começo deste ano na Divisão de Acesso, e depois, no Operário (MS) no Brasileirão da Série D. Em 2006, Celso Rodrigues foi auxiliar técnico na Chapecoense. Nesta mesma função, também trabalhou no Caxias (RS) e no Atlético Ibirama (SC). O treinador Celso Rodrigues trabalhou também no Concórdia, onde foi eleito o melhor do Campeonato Catarinense em 2016. Em 2014, comandou  alguns jogos da Chapecoense no Brasileirão da Série A, quando tirou o clube da zona do rebaixamento, sendo, portanto, fundamental para a permanência do clube na elite em 2015. Em 2018, conquistou o título do Mato Grosso do Sul no comando do Operário. 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...